Blog

Instituto Brasileiro de Debates

Os debates das Redes Sociais - O outro lado

22, Mar de 2017

É inegável que o advento das redes sociais trouxe diversos benefícios para as nossas vidas nas mais diversas áreas, dentre elas o exercício dos direitos individuais, ressaltando-se a liberdade de expressão e o acesso à informação. Ao se juntar um espaço em que, ao mesmo tempo em que te prover com novas informações, também te permitir falar o que pensa, cria-se uma grande arena de debates.

As redes sociais são a Ágora da modernidade!

Um post no Facebook ou uma hashtag no Twitter são o suficiente para começar um debate acalorado sobre o que quer que seja. Debatem-se banalidades ou questões políticas. O melhor Pokémon ou a crise na Palestina. E não há desvalor em nenhum debate. Christopher Hitchens disse que o tempo gasto debatendo dificilmente é desperdiçado, e isso inclui em debater nas redes sociais.

Debater sempre foi e sempre será importante. Por mais que se diga que os debates são vazios ou que as pessoas atingem o debatedor e não a ideia, isso não é um problema exclusivo das redes sociais. E esse tipo de situação só se contorna, vejam só, com o debate!

As redes sociais serviram de palco para debates importantes na primavera árabe, nas manifestações brasileiras de 2013, nas denúncias contra machismo e preconceitos e tantas outras situações que teriam tido um contorno totalmente diferente se não fosse pelos debates na internet.



RENATA BALTAR é advogada e diretora do IBD

---------------

[este texto faz parte da edição especial da Chicundum sobre o IBD. Para saber mais sobre essa parceria, você pode clicar aqui]